Os Sons que Vêm da Cozinha

Em formato de doc. musical, o espetáculo aborda a produção musical denominada ‘brega’ dos anos 1960 e 70 no Brasil. Conta sua história, seus intérpretes, curiosidades e os principais sucessos, todos cantados ao vivo.

Protagonizado pelos atores Kaika Alves, responsável também pelo roteiro e direção, e Sandro Rangell, “Os Sons que Vêm da Cozinha” chega ao Café Rubi, Wish Hotel da Bahia, para quatro apresentações, nos dias 15, 16, 22 e 23 de novembro, às 20h30.  

Tendo como principal referência o livro “Eu Não sou Cachorro Não”, do escritor baiano Paulo Cesar de Araújo, a peça é construída em forma de um documentário musical e aborda a produção da música brasileira denominada ‘brega’ e que era consumida, na sua grande maioria, pelas empregadas domésticas e empregados, de uma forma geral, com baixa escolaridade.

Dois atores e cantores contam essas histórias, vivem os personagens e interpretam as principais músicas que fizeram imenso sucesso nas vozes de cantores como Waldick Soriano, Odair José, Fernando Mendes, Paulo Sérgio, Agnaldo Timóteo e muitos outros.

Apesar de se constituir um patrimônio afetivo de grande parte da população brasileira, o trabalho desses artistas é completamente ignorado pelos registros oficiais que guardam a história da nossa música. Quando citados, vêm sempre com uma abordagem pejorativa, recebendo o rótulo de “cantores de empregadas domésticas”.

Afinal, que memória da música popular tem sido construída em nosso país? Por que a exclusão de uma vertente musical que serve de referência para milhões de brasileiros?

Esse repertório se confunde com a história de muitos e tem o poder de despertar a memória afetiva, não só de empregadas domésticas, pedreiros, porteiros, balconistas, motoristas, mas também de todos nós. “Os Sons que vêm da Cozinha” é uma grande homenagem a este estilo e seus principais artistas.

Serviço

O quê: Os Sons que Vêm da Cozinha

Quando: 15, 16, 22 e 23/11 (sexta e sábado)
Horário: 20h30
Onde: Café Rubi
Quanto: Couvert artístico – R$ 50

Compra

Bilheteria: Café Rubi – 71 3013-1011
segunda a sábado, das 14h às 19h (em dias de apresentação, até às 20h30)
Vendas onlinehttps://couvertartistico.caferubi.com.br/